quinta-feira, junho 30, 2011

quarta-feira, junho 29, 2011

U T T E R

“Our music is inspired by space, travel (...) by listening to our music, we want people to be carried away to an imaginary place where everything's controlled through the natural equilibrium of the universe”.
In 2006, some friends got together to have fun doing what they liked doing most: making music. Rapidly, they started writing their own songs and realized they were ready to take their dreams to the next level. Influenced by a wide range of bands like Sigur Ros, Depeche Mode, Dead Can Dance; to U2, Pink Floyd and Radiohead, they decided to call themselves “Utter” and started working on their first album..
The word «utter», meaning “total, complete, infinite and extreme”, embodies their aspiration to deliver an incomparable music experience to their fans through original songs and unique sounds. In 2007, two of Utter´s songs were quickly playlisted on “Radio Comercial”, one of Portugal´s biggest Stations. In 2008, Utter had already self-produced their first album entitled “Utter”, distributed nationally by Compact Records.
Their first album gained momentum throughout the country, which got them an invite to the radio station “Radar FM” in Lisbon, to present their newly released album, which by then was also available at FNAC stores throughout Lisbon. Utter then embarked on their first National Tour.
In June 2009, Giliano, Zezén, Humberto, André and João started the production of their second album, which was completed in april of 2010. The album was mixed at the QM Studioaudio (Portugal) by the musician and producer João Ferraz. On November 18th 2010 Utter released the first single off the Album entitled "Into the Light". Immediately the track received radio play on many Radio Stations including the National Radio Station Antena 3 where it currently sits in the top 20 Indice A3-30 (top 30 charts). The album will be released in 2011 and presently the band are talking with Labels and booking gigs Country wide & further. Recently Utter released a free download entitled "First Trip" which was launched exclusively through Antena 3 in Portugal, Supajam in the UK and Briterevolution in the U.S. "First Trip is now available here as well as Utter´s Facebook & more. .



Em Junho de 2007, António Sérgio, o melhor divulgador de música popular do nosso tempo, na opinião de Miguel Esteves Cardoso, ( in Público) inscreve na madrugada de sexta-feira, dia quinze, o projecto Utter na agenda dos novos nomes e destaca no programa “As Horas” (Rádio Comercial) os temas Overture e Redemption (Part I). Foi a estreia absoluta em rádio da música dos Utter…
Mais tarde, em Fevereiro de 2008, já na Radar FM, em Lisboa, António Sérgio entrevista os Utter no programa “Viriato 25” após a edição de autor do disco homónimo de estreia, distribuído no território nacional pela Compact Records.
É também em 2008 que arranca a Redemption Tour, com apresentações em várias cidades do país, destacando-se o Concerto realizado na Casa das Artes, em Vila Nova de Famalicão.
Com influências que vão dos Sigur Rós, Depeche Mode, Dead Can Dance, U2, Pink Floyd aos Radiohead, gravam o segundo disco de originais entre Junho de 2009 e Abril de 2010 no QM STUDIOAUDIO, Vila Nova de Gaia. Produzido e misturado pelo compositor e produtor João Pedro Ferraz, o novo álbum dos Utter inclui 13 canções originais.



http://www.myspace.com/utterutter

terça-feira, junho 28, 2011

sexta-feira, junho 24, 2011

HBD!

sábado, junho 18, 2011

On the road (again!)


Life is hard! Seeya later alligator!

sexta-feira, junho 17, 2011

quinta-feira, junho 16, 2011

quarta-feira, junho 15, 2011

Faithful steed...


...goodbye! :)

terça-feira, junho 14, 2011

segunda-feira, junho 13, 2011

sexta-feira, junho 10, 2011

quarta-feira, junho 08, 2011

GoT Metal?



Game of Thrones goes Metal!

terça-feira, junho 07, 2011

Barney's Version


A história de Barney Panofsky, que encontra o amor da sua vida no dia do seu segundo casamento. Só que não é ela a noiva. A sua primeira mulher fora Clara, uma loiraça de espírito livre com quem Barney partilhara uma vida boémia em Roma, durante um curto período de tempo. A sua "segunda Mrs. P.", é uma abastada princesa judia que só se interessa por compras e em falar incessantemente, e à qual Barney praticamente não liga. E é durante o seu espampanante casamento que Barney conhece e começa a interessar-se por Miriam a sua terceira mulher, mãe dos seus dois filhos e o seu verdadeiro amor. Tendo o seu pai, Izzi como acompanhante, Barney leva-nos a conhecer os altos e baixos da longa e colorida vida.
Um filme surpreendentemente delicioso que não é a comédia que o trailer aparenta. Trata-se de um drama inteligente, que não abusa nem puxa ao sentimentalismo, condimentando a narrativa com bons momentos de humor, sendo divertido quando necessita de ser divertido. Giamatti "carrega" o filme com uma perna às costas e a personagem de Barney Panofsky parce ter sido escrita para ele. E é preciso não esquecer Dustin Hoffman que, mesmo tendo um papel mais discreto, faz valer todos os minutes on screen. Muito bom!


the truth

A verdade verdadinha é que com Passos o humor vai ficar mais pobre. O homem não tem ponta por onde se pegue, nenhuma característica específica, nenhum tique digno de nota, nenhum tom de voz vagamente imitável. Vai ser um deserto árido no que toca a caricaturas brilhantes como a que a figurinha do Sócras dava azo. Até para "entrar" com o Passos tiveram de recorrer à musa anterior:




É a triste verdade. Há ali pouca matéria jocosa...para o bem e para o mal...se há ou não pouca matéria governativa...é o que se está para ver... Seja como for, o mundo do humor está certamente de luto pela perda de tamanho alvo, uma verdadeira capital do mundo humorístico!


segunda-feira, junho 06, 2011

Mas a sério agora



"Porra...ganhámos. E agora? Dasse. Agora tenho de me chegar à frente caraças. E estava eu tão descansadinho em Massamá...e agora é para fazer mesmo o quê????? Tenho de ver se pergunto a algum dos meus novos amigos que me telefonaram tão simpaticamente ontem à noite..."

E Bollywood Também!

Hollywood está sempre atenta


Madrugada de 5 para 6 de Junho de 2011....aí vêm eles!! Milhares de pára-quedistas precipitam-se pelo espaço aéreo do território conquistado. É vê-los todos a aparecerem agora dum momento para o outro. Um filme de intensa acção, um thriller, um drama psicológico.

sexta-feira, junho 03, 2011

Accept - Pandemic



E eis o heavy metal puro e duro e como se quer e deve ser. Tenho dito.

quinta-feira, junho 02, 2011

Ah...Portugal....

...e o famoso desenrrascanço....